9 Dicas sobre o uso do colar de âmbar báltico

Sharing is caring!

Nesse texto vamos listar as principais dúvidas sobre o uso do colar de âmbar báltico em bebês e crianças.

1)      Quais são os benefícios do colar de âmbar?            

·       Tranquiliza e alivia os sintomas de desconforto; 

·       Reduz os processos inflamatórios de gengiva, garganta e ouvidos; 

·       Calmante natural; 

·       Melhora o sistema imunológico, promovendo recuperação mais rápida de gripes e febres.

2)      O colar de âmbar funciona?

O âmbar é um material morno ao toque. Segundo especialistas, o colar de âmbar deve aquecer em contato com a pele do bebê, liberando assim quantidades minúsculas de ácido succínico.

Se tratando de um acessório que auxilia durante a fase de dentição (onde os dentes de seu filho estão em desenvolvimento), ele é bastante funcional. Entrando em contato com o corpo, alivia dores e desconfortos (inchaço da gengiva e febre).

Os efeitos na fase de dentição acabam sendo até imediatos.

O colar deve estar em contato constante com a pele do bebê para oferecer os benefícios citados.

3)     Colar de âmbar. Pra que serve?

Você conhece o material âmbar? Ele é uma resina vegetal que se tornou fóssil há aproximadamente 50 milhões de anos, sendo encontrada principalmente na região dos Bálticos.

Nesse material se encontra o ácido succínico, um composto químico que estudos apontam fortalecer o sistema imunológico. Não só isso, também estimula o sistema nervoso e melhora a atividade metabólica.

E numa fase onde a criança está desenvolvendo seus dentes, o colar de âmbar age como um analgésico e anti-inflamatório natural.

No entanto, essas propriedades do colar só funcionam quando as pedras de âmbar vêm da região dos Bálticos e fica em contato direto com a pele do bebê, criança ou adulto.

Não é muito raro ser encontradas imitações de copal ou plástico, sendo importante verificar a procedência e o certificado de autenticidade

4)     O colar de âmbar tem validade?

Se você possui uma joia de âmbar verdadeira ela pode durar para sempre. É só saber cuidar e higienizar adequadamente.

5)       Como saber se um colar de âmbar é original e verdadeiro?

·       Dica 1: Coloque 1-2 gotas de acetona ou álcool em uma das contas. Se o material ficar viscoso, pegajoso ou alterar a cor, ele não é de âmbar; 

·       Dica 2: Misture sal com água e deixe dissolver. Depois, coloque uma peça de âmbar na solução e veja se boia (se isso acontecer, o material é de âmbar); 

·       Dica 3: Sinta se o material é morno ao toque, pois as imitações costumam ser mais frias que a pele.

6)     Qual idade recomendada para uso do colar de âmbar?

O uso do colar de âmbar é mais indicado a partir dos 3 meses pelo motivo de: o pescoço do bebê já se encontra mais firme e os pais já estão mais habituados com a rotina do bebê.

7)     Como escolher o tamanho adequado?

De 0 a 4 anos, o tamanho mais adequado é o de 33 cm, com 38 cm acima de 4 anos. O colar não deve ser muito folgado, pois o bebê pode botar as contas na boca ou até mesmo se sufocar passando o braço por dentro.

8)     O colar de âmbar deve ser tirado para dormir, nadar ou tomar banho?

Para dormir só é necessário tirar se os pais se sentem inseguros. Para banhos, já e mais recomendado retirar, pois o âmbar é poroso e pode absorver cloro de piscina e outros produtos químicos.

Isso pode acabar impedindo a absorção do ácido succínico. No entanto, como o âmbar é retirado do mar, não há tanto problema nesse meio.”

9)     Como higienizar o colar de âmbar?

Caso queira fazer uma limpeza energética do material, ele pode ser lavado com sal, água corrente e secagem ao sol.

Sendo do material que é, esse método de limpeza é o mais recomendado para o colar de âmbar.

Deixe seu comentário ou compartilhe esse texto em suas redes sociais.

Comentários
shares